fbpx

Blog

24/12/2020

Você precisa homologar todos os seus fornecedores?

Para uma efetiva Gestão de Terceiros, a sua empresa realmente precisa homologar todos os fornecedores?

Para responder a essa questão é preciso avaliar um ponto muito importante: todos os seus fornecedores trazem o mesmo risco para o seu negócio? Certamente a sua resposta será não.

Então, se você passar a cobrar muito de empresas que não precisam de toda a sua atenção o processo começará a ficar burocrático. E a burocracia está longe de combinar com um controle de riscos efetivo. E cobrar tudo de todos os fornecedores é burocracia.

Portanto, antes de uma contratação é preciso entender qual tipo de risco o fornecedor pode trazer para a sua empresa ou para a operação para depois avaliar se o mesmo deverá ser homologado.

Como funciona na prática

Vamos exemplificar uma situação para facilitar o entendimento: um fornecedor é contratado apenas para trocar a fechadura de alguma porta do seu estabelecimento. Ele precisa ser homologado? Certamente não.

Agora se aquela fechadura estiver em uma área de risco muito grande, onde não é qualquer empresa que realiza esse tipo de serviço, certamente se deve pensar em realizar algum tipo de homologação.

Assim que uma contratação é feita, a empresa terceira precisa ser cadastrada. Ou seja, para o fornecedor receber algum tipo de pagamento por exemplo, antes dele passa por um tipo de triagem/cadastro onde informações básicas podem ser verificadas, como: se aquela empresa está ativa ou não, registro de quem são os sócios, endereço do CNPJ, etc.

Esses são alguns tipos de controle que valem a pena ser feitos, mas isso não significa homologar ainda, é apenas o cadastro de fornecedores. Mas se estamos falando de um fornecedor de baixo custo, que apresenta um baixo risco trabalhista, só em realizar o cadastro do mesmo já é possível ter um controle efetivo com relação ao risco que ele traz.

E já que podemos ter níveis diferentes de homologação, se for um fornecedor de contrato maior, de risco maior, de mais mão de obra envolvida, é legal que se faça uma homologação mais direcionada, mais completa, além de somente um cadastro para apurar dados mais básicos, é preciso controlá-lo mais ativamente.

Sabendo disso, para reduzir a ocorrência de diversos riscos envolvendo trabalhadores terceirizados é preciso contar com uma empresa que pode realizar a homologação dos seus fornecedores de forma efetiva.

Somos a maior empresa de Gestão de Terceiros do Brasil, pioneira na Prevenção de Riscos Trabalhistas e Gestão de Riscos com Terceiros. Realizamos desde 2003 uma minuciosa avaliação dos riscos envolvidos na relação entre empresas tomadoras e prestadoras de serviços.

Se entender que precisa de apoio nesse sentido, clique aqui para entrar em contato conosco.

Gestão de Terceiros , , ,
SWITCH THE LANGUAGE